Madeira ISland Ultra Trail Archives - EMdurance Runner
53
archive,tag,tag-madeira-island-ultra-trail,tag-53,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,qode-content-sidebar-responsive,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-13.3,qode-theme-bridge,disabled_footer_top,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.5,vc_responsive

Todos temos sonhos. E não importa se são antigos ou recentes, se são mais simples ou mais complexos, quando os temos, queremos torná-los realidade. Algures durante o ano de 2015 comecei a ter um sonho. Tentei realizá-lo em abril de 2016 e fiquei a meio. Em 2017, quase todos os meus sonhos ficaram num limbo de incerteza se seriam alguma vez realizados. Este ano, no dia 28 de abril, tentei novamente realizá-lo, com um desfecho semelhante ao de 2016. O sonho, todos sabem, é terminar o MIUT - Madeira Island...

Sim, falta um mês para mais uma edição do MIUT. Sim, estou inscrito de novo para tentar atravessar a ilha dentro do tempo limite. Sim, sei a dureza desta prova que é já uma referência a nível mundial no trail running. Sim, sei que é preciso treinar muito, e muito bem, para chegar àquela partida minimamente preparado. Sim, quero muito cruzar aquela meta, nem que seja às 7h59m de dia 29 de abril. Sim, estou mentalizado do sofrimento que vou sentir durante os 115kms. Mas não, não fiz o treino necessário, como podemos ver...

Faz hoje 2 semanas que me sentei no topo do Pico do Areeiro e olhei para os picos que não percorri, para as escadas que não subi e para os trilhos que não me ficaram gravados na memória. No sábado anterior, pelas 16horas e alguns minutos, parava o relógio ainda antes de entrar no carro que me levaria a Curral de Freiras. Duas semanas se passaram e muito ainda se fala, escreve e lê sobre esta prova que atrai milhares de atletas e outros tantos de acompanhantes. Um prova...

Um Barbudo na Madeira - I Um Barbudo na Madeira - II Medo Falta um mês (menos um dia) para o início do MIUT, para eu cruzar a linha de partida ao lado de outros 599 atletas, e estou apavorado! Sinto um medo maior que aquele que senti quando era miúdo e vi o Seven às escondidas dos meus pais. Sempre que vejo uma foto da prova, um vídeo da prova, um relato de alguém que já lá esteve, mesmo que seja motivacional, fico com um misto de ansiedade e de...